sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

O QUE UM SAPO NA PANELA TEM RELAÇÃO COM A LEI DA ATRAÇÃO E VOCÊ CONSEGUIR MATERIALIZAR SEUS DESEJOS?

Você já sentiu isso? Você esteve em uma situação desconfortável e teve vontade de sair correndo dali? Seu corpo pedia para que você acabasse logo com aquilo, no fundo você sabia que não estava se fazendo bem, mas a razão dizia que o correto seria ficar. E você ficou, afinal, você poderia suportar por mais algum tempo.


É tirando o que não nos serve de nossas vidas que abrimos espaço para experimentar o que queremos. Refita agora. Tem espaço para o que você quer na sua vida, ou só para queixas e ausências do que você quer?Mesmo que você me diga que no seu caso não é possível deixar para traz o que não te faz bem, eu te diria que isto é fundamental. Nem que inicie no campo da mente, pois existem sim situações mais desafiadoras, mas pensamentos podem ser mudados quase que instantaneamente.


Segundo a Lei da Atração, atraímos aquilo que está compatível com o que pensamos e sentimos. Então, se estamos gastando energia com alguma situação, perdemos o foco para materializar nossos desejos. Tudo que existe, só existe pela observação do observador, segundo a física quântica.Você já pensou o que tem tomado conta da sua observação?


Diz-se que você puser um sapo numa panela, com água e colocá-la para ferver, acontece uma coisa bem esquisita: o sapo se adapta à temperatura da água, e permanece lá dentro. E continuaria se adaptando, quanto mais subir a temperatura. Quando a água ferve, o sapo poderia tentar saltar para fora, mas não conseguiria, porque estaria muito cansado devido aos ajustes que teve que fazer. Pode-se dizer que que o que matou o sapo foi a água fervendo, porém o que o matou foi não ter decidido quando pular fora. Evite de se adaptar à pessoas, relacionamentos, amizades, trabalhos que não te fazem bem e tantas situações que vivem te "esquentando".


Quando você já fez tudo o que pôde, e ainda tem que viver fazendo mais, você corre o risco de morrer tentando, e não alcançar nada. Saiba identificar a hora de sair fora e saia fora disso. Não gaste o seu tempo com o que não te acrescenta. "Ou soma ou some".


Não sei quem escreveu esta história do sapo, mas achei interessante a reflexão e por isso resolvi compartilhá-la com você. Mais um ano está começando e muitos fazem previsões pessimistas sobre o novo ano. Se você quer materializar seus desejo, aproveite para rever e pular pra fora de tudo o que não te faz bem.É uma ótima atitude para começar 2016 com 366 dias livres para se sentir bem e atrair os seus desejos mais caros que, certamente, se alinham vibracionalmente com isso.


Não existe nada mais importante do que se sentir bem.
Rosalia Schwark


Segundo a lei da atração, que é muito simples, estamos no fluxo quando nos sentimos bem e saímos dele quando nos sentimos mal. Uso isso como meu termômetro vibracional. Posso não saber o que estou sentindo no momento, pois nem sempre é fácil identificar, mas é muito simples saber se me sinto bem ou não. Quando não me sinto bem, procuro identificar o pensamento que está gerando isso e ver como posso pensar de outra forma. Se nem assim me sinto bem então, é hora de tirar isto do meu foco de atenção pois atrapalhará a materialização dos meus desejos, gerando resistência, mesmo que o pensamento em questão não tenha nenhuma relação com o meu desejo.


Então, recapitulando:

  • Identifique o que te "esquenta". 
  • Preste atenção no que não anda te fazendo bem; 
  • Veja que pensamento está gerando sentimento de resistência e DESCARTE-O. 
  • Coloque o foco da sua atenção no que lhe faz bem . 
  • Sinta-se bem, viva melhor e ainda materialize seus sonhos! 



Se você gostou deste artigo e você acredita que ele pode ajudar a alguém, então você pode compartilhá-lo nas redes sociais. Ficarei muito feliz em ajudar mais pessoas e grata por você me ajudar a fazer isso.Você pode compartilhar nos botões de compartilhamento como facebook, twiter ou google+, logo abaixo do artigo.É bem fácil!



E finalizando seria muito bom saber a sua opinião sobre o que escrevi. Deixe um comentário, logo abaixo, sobre o que você mais gostou deste artigo, sobre alguma história sua que você queira compartilhar, ou sobre alguma crítica sobre o texto. É importante demais para mim saber o que você achou! Feliz ano novo! Tenha um 2016 110%!